Arquivo para novembro, 2009

O preconceito ainda reina

Posted in Uncategorized on novembro 30, 2009 by karolnews

Por: Karoline Pereira

Enquanto a enquête no site do Senado sobre a votação da lei PLC 122/2006, que torna crime atos de homofobia, ainda se desenrola com grande empate entre os que são a favor e os que são contra a lei. Cenas de total desinformação e preconceito generalizado, ainda são vistas em ruas já costumadas com o público GLS em São Paulo.

Na noite de sexta-feira, 27, um grupo de estudantes da capital com idade entre 18 e 24 anos, se reunia em um bar de nome “Bom te Vi” ao lado do cursinho Etapa entre as ruas Matias Aires e Frei Caneca, quando em meio a brincadeira dos jovens, o dono do bar pediu para que se retirassem. Acreditando que faziam muito barulho, os jovens argumentaram dizendo que “iriam maneirar” e assim poderiam permanecer no bar. No entanto, qual não foi o a surpresa quando o dono do bar pediu que se retirassem por estarem “abusando”. Ele se referia ao ato de duas garotas terem trocado beijos durante a estada no bar.

Revoltados com a posição do proprietário, os jovens decidiram se retirar, mas alegaram não voltar mais ao local.

C.N, 21 anos, afirma estar chocada “Sempre viemos aqui. Sempre freqüentamos esse bar, e nunca nos falaram nada. E outra, ter um bar na Frei Caneca e não se acostumar com esse tipo de cena é absurdo, é um preconceito sem fim”.

Segundo testemunhas, cena parecida havia acontecido no dia anterior, porém um dos funcionários do bar foi quem chamou a atenção dos jovens e pediu para que parassem com os carinhos.

Infelizmente no Brasil só se impõe respeito a partir do momento em que algo se torna crime. Antes a discriminação racial era vista como algo natural, até não se poder chamar mais um negro de “neguinho” e a população passar a respeitar as diferenças de pele. No entanto, agora é a vez de gays e lésbicas. Enquanto não se tomarem atitudes que protejam estes cidadãos, nada será feito.

Muitos alegam que quando tentam fazer uma queixa expressa ou um boletim de ocorrência nas delegacias, a maioria dos policias sequer sabe o que significa a palavra homofobia. É um retrocesso a construção dos direitos humanos no Brasil. É uma vergonha para uma nação que se autodenomina democrática.

Em repúdio a atitude do comerciante, os jovens planejam fazer um beijaço em frente ao bar como forma de protesto.Esse tipo de manifestação já se tornou comum entre a comunidade GLS contra atos de preconceito cada vez mais freqüentes na região.

‘Por Toda a Minha Vida’ mostra trajetória de Cazuza

Posted in Uncategorized with tags on novembro 19, 2009 by karolnews

  

 

SÃO PAULO – De 20 candidatos a Cazuza, Daniel Granieri, 31 anos, foi quem mais agradou à produção do programa “Por Toda a Minha Vida”. Apelidado de Cazuza pelos amigos, o paulista já tinha o costume de cantarolar músicas do roqueiro. Hoje, após o seriado “A Grande Família”, ele interpreta o músico no especial que homenageia personalidades que já se foram.

Daniel tem 11 anos de teatro e um currículo que inclui espetáculos como “Hamlet”, com direção de Francisco Medeiros, e “O Homem-Aranha”, peça da Marvel que hoje está em cartaz em Brasília. No entanto, a experiência em TV é rasa. Até agora só fez a novela “Dance, Dance, Dance” (2007) na Band.

Mas foi sua criatividade que fez diferença no teste para Cazuza, que disputou com 20 atores de São Paulo. Para encarar o desafio, que incluiu interpretação e presença de palco, Daniel vestiu tênis vermelho, calça jeans, regata e colocou uma faixa branca no cabelo. “Eu cheguei ao estúdio e os outros candidatos ficaram impressionados com a semelhança. Ali eu fiz diferença.”

A comparação com o músico vem dos tempos em que estudava teatro, mas viver Cazuza na TV exigiu um pouco mais. Ao ser selecionado, em janeiro deste ano, Daniel fez as malas para o Rio de Janeiro e levantou um acervo sobre Cazuza. Entre as atividades físicas, passou a correr todos os dias na beira da praia. Observou o mar e escutou canções como “O Tempo Não Para”. “Eu acredito muito nessa técnica de vivenciar o que o outro passou.”

Com as corridas, conseguiu secar dez quilos para a fase em que o roqueiro descobre que é vítima do vírus HIV. “Mas é diferente do filme. A gente fala do Cazuza desde os 8 anos de idade. O foco do programa não é a doença.” Além de emagrecer, Daniel assistiu a fitas de festas e shows do cantor, concedidas à Globo pela mãe Lucinha Araújo. “Fiquei três semanas só pensando nisso.”  

 

  Fonte: Estadao

 

 

Quarta edição da Balada Literária começa hoje em SP

Posted in Uncategorized with tags , on novembro 19, 2009 by karolnews

Foi a Festa Literária Internacional de Paraty (Flip) que, para o escritor Marcelino Freire, 42, teve o mérito de “juntar a literatura com a batata frita, o provolone e a cerveja”.

Não sem um problema: “Em Paraty só tem cerveja em long neck. Não dá pra passar a noite bebendo nessas garrafinhas, sai muito caro”, diz o autor.

Em busca de mesas onde houvesse a boa e velha garrafa de 600 ml, o pernambuco resolveu criar em 2005 a Balada Literária, evento que nem tentava ir muito além do limite dos bares da Vila Madalena.

Em sua quarta edição, que começa hoje e vai até domingo, a festa já abraçou mais que o círculo boêmio. Tem apoio da Livraria da Vila desde o primeiro ano, mas agora se estende para espaços como a Biblioteca Alceu Amoroso Lima e o Sesc Pinheiros, que recebem shows e alguns dos debates dos cerca de 80 escritores convidados.

Edições anteriores incluíram nomes como Antonio Candido, Luandino Vieira e Mario Bellatin -antes mesmo da Flip. Entre os atuais destaques, estão João Silvério Trevisan (homenageado deste ano), Lygia Fagundes Telles e João Gilberto Noll, segundo lugar no Prêmio Portugal Telecom 2009.

Ainda sem patrocínio oficial –que, admite, não conseguiu por pura falta de organização–, Marcelino faz sozinho a divulgação e conta com a força de amigos. Os próprios espaços, como a Mercearia São Pedro e o Ó do Borogodó, ajudam a organizar as respectivas mesas.

Uma preocupação foi não colocar mesas em horários simultâneos. “Quem quiser pode assistir a todas, do início ao fim, perambulando pela Vila”, diz.

Como em outros anos, a Balada Literária cai no feriado de 20 de novembro -menos para celebrar o Dia da Consciência Negra e mais para garantir que a fuga de paulistanos para a praia reduza a habitual muvuca da Vila Madalena nos finais de semana.

BALADA LITERÁRIA
Quando: de hoje a domingo
Onde: Vila Madalena, vários endereços
(veja em baladaliteraria.zip.net) Quanto: debates gratuitos; shows pagos no Ó do Borogodó (couvert artístico) e Sesc Pinheiros (R$ 2,50 a R$ 10)

Fonte: Folha Online

Érika Martins recebe Rosana no Mix Music Chuveiro in Concert

Posted in Uncategorized with tags , , , on novembro 19, 2009 by karolnews

Quem for ao Sesc Pompeia nesta quinta-feira (19) vai presenciar uma verdadeira cantoria. Isso porque, a partir das 21h, Érika Martins –ex-vocalista do grupo Penélope e a voz feminina de Lafayette e os Tremendões– dá início à décima edição do Mix Music Chuveiro in Concert, braço musical do festival de cinema LGBT Mix Brasil.

Nessa noite, a cantora sobe ao palco acompanhada de uma banda, que terá como vocalistas convidados Gabriel Thomaz, da banda de rock alternativo Autoramas, o ator e músico André Frateschi, Miranda Kassin, que ficou conhecida por suas interpretações de Amy Winehouse, e a cantora Rosana, ícone da música nacional nos anos 80.

O festival, criado no ano de 2000 pela Associação Cultural Dynamite, é o único do gênero e tem como proposta reunir artistas para cantar.

Informe-se sobre o evento

Fonte: Guia Folha

Artista recria cenas de filmes com fita adesiva

Posted in Uncategorized on novembro 17, 2009 by karolnews

O artista ucraniano Mark Khaisman, de 51 anos, descobriu como unir seu trabalho à sua paixão pelo cinema: ele recria cenas de seus filmes favoritos usando apenas fita adesiva.

Sobrepondo pedaços do material, e depois aplicando-os sobre um painel iluminado, ele recria os efeitos de luz e sombra de cada cena.

Khaisman, que é radicado na Filadélfia, nos Estados Unidos, chega a usar até cem metros de fita e passa em média uma semana para realizar cada quadro.

Clássicos do cinema noir (como O Anjo Mau) e filmes de suspense (Os 39 Degraus, de Alfred Hitchcock)são seus favoritos, mas ele também faz retratos de pessoas e objetos com o mesmo material.

Cada obra sua é vendida por até US$ 10 mil.

Fonte: Estadao

Veja algumas das obras:

 

Muito além do poeta sombrio

Posted in Uncategorized with tags , , on novembro 17, 2009 by karolnews

Por: Karoline Pereira

Para aqueles que acreditam que as obras de Edgar Alan Poe se baseiam somente na conhecida história “Os Crimes da Rua Morgue”, encontrarão algumas surpresas na homenagem que a Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos em São Paulo, faz com a exposição “Edgar Alone Poet” que vai de 31 de outubro à 29 de novembro e retrata o lado obscuro de Poe.

Em homenagem ao bicentenário do poeta, a exposição coloca o público em contato com o acervo multimídia que traz filmes e peças baseadas nos poemas de Poe.

Em conversa com Donny Correia, curador da Casa das Rosas, falo sobre a idéia de se fazer uma exposição multimídia fugindo ao padrão das exposições sobre Poe que tem sido feitas ao longo desses anos.

“Quem concebeu a parte técnica foi o Jun Yokoyama, que já havia feito outra exposição aqui em agosto, com painéis inspirados em filmes sobre o Poe, e parte dessa exposição tinha vídeos e animações. Então ele trouxe essa idéia de utilizar esses vídeos, principalmente do Tim Burton, e isso dá uma dinâmica para a exposição, não é uma mera exposição, mas ganha uma dinâmica diferente, pega o antigo, o gótico e dá uma roupagem tecnológica que não agride a obra e traz uma inovação” afirma Donny.

De acordo com Donny, o público tem tido grande aderência à exposição, e a possibilidade de interagir com as obras é um diferencial na qual a equipe da Casa das Rosas vem apostando.

“O público tem participado muito, inclusive pela forma como foi montada a exposição (com vídeos em looping) e desperta a curiosidade, o público fica mais aguçado para saber o que está acontecendo na sala ao lado. Muitos querem saber de quem são os filmes, o que é O Corvo. Querem conhecer e acabam explorando a obra depois.”

A literatura possui recursos próprios para prender o leitor, mas com a imagem em movimento a interpretação é mais clara e chamativa. Todas estas obras juntam literatura com a interpretação de cada texto e fazem uma analogia à poesia de Poe. Desta forma, Donny procura atrair um número maior de espectadores que em sua maioria, não teriam acesso às obras literárias de Poe. A instalação pretende fazer com o que os visitantes da Casa das Rosas façam um mergulho sensorial no universo do poeta.

Para a estudante Camila Figueira,18, é uma oportunidade para explorar as obras do poeta que ela não conhecia “ É bem diferente. Eu gosto muito de poemas, mas as obras do Edgar Alan Poe, eu nunca havia lido antes. Achava muito macabro. Só conhecia o poema O Corvo, e mesmo assim nunca havia me interessado. Mas outro dia passando aqui por acaso eu resolvi parar, mas não deu pra ver a exposição inteira, resolvi voltar hoje, e estou gostando muito, tem muita coisa diferente. Tem muitos filmes que são baseados na obra dele que eu nem sabia”, diz a estudante.

Entre os diversos filmes à mostra, estarão MIDNIGHT de Eyrun Eyjolfsdottir, animação islandesa baseada no famoso poema “O Corvo”, DER VERRUCKTE, DAS HERZ UND DAS AUGE, de Annette Jung, filme alemão baseado no conto ”The Tell Tale Hart”, THE PIT AND THE PENDULUM, de Marc Lougee, produção canadense baseada no clássico conto “O Poço e o Pêndulo” e VINCENT, de Tim Burton da Walt Disney Productions.

O Poeta

O poema mais famoso de Poe, “O Corvo”, foi publicado em 1845. Apesar da enorme repercussão, o poeta recebeu apenas nove dólares pela publicação. Edgar Allan Poe morreu em 1849, aparentemente depois de vagar pelas ruas de Baltimore, delirante.

EDGAR ALONE POET
De 31 de outubro a 29 de novembro.
Visitação: terça a domingo, das 10 às 22 horas.

Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura
Avenida Paulista, 37
Tel.: (11) 3285.6986
www.casadasrosas-sp.org.br

Texto publicado no Radar Cultura: www.radarcultura.com.br

Sensação pop, Jason Mraz faz turnê pelo Brasil em novembro

Posted in Uncategorized on novembro 17, 2009 by karolnews

Trilha sonora da novela “A Favorita”, a música “I’m Yours” foi um dos fatores determinantes para que o cantor e compositor norte-americano Jason Mraz incluisse cinco cidades brasileiras em sua nova turnê mundial, a Gratitude Café Tour.

A primeira apresentação do artista no país está marcada para 21 de novembro, no Lupaluna Festival, em Curitiba (PR). No dia seguinte, ele sobe ao palco do Natura Nós About Us, em São Paulo (SP). Porto Alegre (RS) o recebe no dia 24, quando acontece o Pepsi on Stage; o Rio de Janeiro no dia 26, Brasília dois dias depois e Belo Horizonte na noite de 29 de novembro.

De forma independente, Mraz lançou seu primeiro trabalho, “A Jason Mraz Demonstration”, em 1999. Em 2002, fechou contrato com a gravadora Elektra Records, de onde saiu o primeiro disco, “Waiting for My Rocket to Come”, que alcançou o segundo lugar na Billboard. Desde então, lançou “Tonight, Not Again: Jason Mraz Live at the Eagles Ballroom” (CD/DVD – 2004), “Mr. A-Z” (2005), “Selections for Friends” (2006) e “We Sing. We Dance. We Steal Things” (2008), com participação de Colbie Caillat e James Morrisson.

Em São Paulo, o show de Mraz acontecerá durante o festival Natura Nós About Us, que também reunirá Sting, Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown, Afro Reggae e outros nos dias 21 e 22 de novembro.
Em São Paulo – Natura Nós About Us – pista de atletismo do Ibirapuera – av. Pedro Álvares Cabral, s/ nº, Parque Ibirapuera, região sul, São Paulo, SP. 22/11. 14h. Ingr.: R$ 120 a R$ 500. Não recomendado para menores de 14 anos. Vendas pelo www.livepass.com.br e pelo call center 4003-1527.

Fonte: Guia Folha